O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) suspendeu nesta quinta-feira (15) o concurso público da Prefeitura de Novo Gama.

No processo (18632/16) o TCM apontou que o edital, lançado em novembro, possui irregularidades que colocam em risco a confiabilidade do concurso. O processo foi destinado à Secretaria Municipal de Administração, Prefeitura de Novo Gama e a IDIB, responsável pela organização do processo seletivo.

Desde o anúncio, a população ficou em dúvidas quanto a legalidade do concurso público. Os principais motivos da desconfiança foram: o fato do concurso ser lançado no fim do mandato do prefeito Everaldo Vidal; curto prazo entre a publicação do edital e as provas.

A decisão do TCM saiu três dias antes da realização das provas e está disponível no site do tribunal. Veja aqui.